Índios bloqueiam BR-364 e querem libertação de parentes presos na penitenciária

DSC 0059

Os índios Katuquinas da aldeia interditaram a BR-364 na manhã desta quinta-feira (21), por volta das 10:30 horas, na altura do quilômetro 18 da terra indígena, no sentido Cruzeiro do Sul/Rio Branco o que ocasionou a interrupção do tráfego de veículos. Pintados para a guerra eles reivindicam a libertação imediata de quatro parentes presos há mais de um ano na penitenciária Manoel Nery da Silva, acusados de diversos crimes.

Os quatro índios foram presos em fevereiro de 2012. Três deles foram condenados a 38 anos de prisão pelo crime de estupro de vulnerável. Segundo as investigações da Polícia Civil os índios que estavam em duas motocicletas deram carona a uma adolescente de 14 anos e no percurso a levam para um matagal próximo a aldeia onde a estupraram.

O outro índio que está preso foi condenado recentemente a 24 anos de prisão pelo crime de homicídio qualificado. Sérgio Rosa Katuquina foi julgado pela morte do taxista Sergio Vasconcelos, 53, que foi espancado na cabeça com uma garrafa de cachaça, após uma discussão com o indígena.

Revoltados com a condenação dos parentes que somam mais de 60 anos de prisão os índios decidiram bloquear a BR-364. Caminhões com mercadorias, ônibus com passageiros e veículos de passeio ficaram presos na rodovia. O jornalista Elson Costa que retornava de São Paulo em um ônibus só conseguiu passar pelo bloqueio depois que gravou reportagem com os índios.

A mãe de Sérgio Katuquina liderou o movimento na BR-364 e garantiu que as autoridades precisam tirar seu filho e os demais parentes do chiqueiro que é a penitenciária, pois seus filhos e esposas estão sofrendo e passando necessidades.

Por volta das 13:00 horas os indígenas negociaram com policiais militares e com representantes da Funai que foram até ao local do protesto e em seguida decidiram liberar o tráfego na BR-364 pela garantira que uma conversa com as autoridades da Justiça para debater a libertação dos parentes. A negociação será na manhã desta sexta-feira (22) e caso não obtenham sucesso os indígenas garantem que voltarão a interditar a rodovia federal.

Elson Costa - Fotos - Elson Costa

Add a comment (0)

Cruzeiro do Sul vai receber R$ 353 milhões em investimentos

2180 558270bd90288537debdad42bb73583b m

Em 109 anos, a cidade de Cruzeiro do Sul nunca viu o volume de investimentos que foi anunciado pela equipe do governador Tião Viana para 2013 e 2014. Os anúncios fazem parte da decisão de percorrer todos os municípios, agora sob novas administrações, para apresentar as ações e projetos de governo que serão executados pelo governo estadual.

O governador Tião Viana tem imprimido um ritmo novo de governar, baseado numa forma diferente de fazer gestão, transparente, com grandeza, olhando no olho da população. E com esse espírito ele chegou a Cruzeiro do Sul com toda a equipe de governo para apresentar aos líderes municipais, incluindo os vereadores e lideranças comunitárias, religiosas, os investimentos dispensados ao município. O prefeito Wagner Sales não compareceu à reunião de trabalho.

 

“A alegria que eu tenho é traduzir este trabalho no significado dele para a vida das comunidades e das pessoas. Tenho certeza de que Cruzeiro do Sul nunca viu uma quantidade de investimentos desse tamanho. Mas é porque nos preparamos. Foi uma caminhada para chegar até aqui que começou lá atrás, com o Jorge Viana [ex-governador]. Hoje o maior desafio do Acre é a distribuição econômica, o desenvolvimento, a inclusão das pessoas. Temos que ter atividades geradoras de renda, e é isso que está nos motivando”, disse o governador Tião Viana.

 

Veja a seguir os principais investimentos anunciados pelo governo do Estado, que serão realizados principalmente com recursos próprios, do governo federal através da presidente Dilma Rousseff e do Banco Nacional de Desenvolvimento Social (BNDS).

 

Saúde terá investimento de R$ 35 milhões

 

Cruzeiro do Sul também será atendida pelos projetos itinerantes de ginecologia e pediatria, de rastreamento de câncer de colo de útero e de saúde bucal. Até o próximo dia 30 o mamógrafo que atenderá a cidade será instalado. Também foram anunciados a reforma e ampliação da unidade mista de saúde do Santa Luzia, incluindo aquisição de equipamentos e material permanente. A cidade vai ganhar uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de porte II, reforma do Centro de Atendimento Psicossocial (CAPs Nauas) e uma ambulância traçada que será integrada ao Samu.

 

A vigilância em saúde, que o município se recusou a assumir, será mantida em sua totalidade em Cruzeiro do Sul pelo governo do Estado, num investimento de R$ 3 milhões, além de barcos, motos e 35 mil mosquiteiros que serão distribuídos. O total de investimentos em Cruzeiro do Sul na saúde será de R$ 35 milhões.

 

Pequenos Negócios vai atingir 1.030 famílias

 

No ano passado, 409 famílias foram beneficiadas pelo programa de Pequenos Negócios, num investimento de R$ 1,1 milhão em capacitação e entrega de equipamentos. Esta semana será instalado um escritório permanente da Secretaria de Pequenos Negócios na cidade. Em 2013 a meta é atender 1.030 famílias, investindo R$ 624 mil em equipamentos e mais de R$ 3 milhões em capacitação. Os cursos vão de criador de abelhas sem ferrão a sushiman.

 

Quase R$ 8 milhões em produção

 

Construção de 120 açudes, mecanização de mais de mil hectares, três tanques de resfriamento, uma queijaria e duas ordenhadeiras mecânicas. Os investimentos na área de produção agrícola, apresentados pelo secretário Lourival Marques, beneficiam diretamente centenas de famílias de produtores, criando novas alternativas de renda e melhorando as condições do homem do campo.

 

Há ainda a política de acesso ao crédito rural através do Programa Nacional de Agricultura Familiar (Pronaf), em que os técnicos preparam os projetos e intermediam junto aos bancos. A previsão é de aplicação de pelo menos R$ 3,9 milhões. O Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) vai beneficiar 159 produtores e 79 entidades.

 

Educação: formação é  o caminho

 

Formação superior é o principal foco de investimentos na área da educação. Haverá vagas para cursos de geografia, processos escolares, história, letras português, ciências biológicas e atemática, entre outros. Os cursos são nas modalidades presencial, a distância ou semipresencial.

 

Entre os investimentos também está a ampliação da Escola Craveiro Costa, e a reforma e ampliação das escolas Hugo Carneiro, João Kubistchek e Comandante Pras de Aguiar, além da construção de três escolas indígenas e várias escolas rurais. Serão investidos R$ 110 milhões em ações de educação e esporte, sem contar com o investimento de R$ 6 milhões na Biblioteca Pública da cidade, que será inaugurada em breve.

 

Piscicultura, madeira e polo naval

 

O parque industrial florestal de Cruzeiro do Sul já recebeu 23 concessões para instalação de indústrias. Uma das maiores será uma indústria madeireira, com capacidade para processar 100 mil metros cúbicos de madeira certificada e manejada, gerando 350 empregos diretos ao atingir a capacidade total.

Outro investimento na área industrial, apresentado pelo secretário de Indústria e Comércio, Edvaldo Magalhães, é  na cadeia da piscicultura, com o frigorífico de processamento de peixes e o núcleo avançado de produção de alevinos, que vai produzir um milhão de peixes por ano, inclusive surubim e pirarucu.

A implantação do polo naval dentro do programa de fortalecimento da indústria é uma das novidades. A ação contempla uma tradição de Cruzeiro do Sul, que produz as bajolas, um pequeno barquinho bastante veloz que corta as águas do Juruá.

O polo vai abrigar as oficinas de motor e palhetas, e os carpinteiros navais, em sua maioria desabrigados com os avanços na infraestrutura da cidade, como a construção da ponte sobre o Rio Juruá. O investimento total no setor da indústria e comércio é de R$ 43 milhões.

Segurança: fronteira, efetivo e estruturação

Cruzeiro do Sul recebe investimentos do Enafron, Estratégia Nacional de Fronteira, na ordem de mais de R$ 4 milhões, além de investimentos estruturantes na área de segurança, criando gabinete de gestão integrada, conselhos de entorpecentes, operações policiais e promoção da cultura de paz. O secretário adjunto de Segurança, Ermício Sena, também anunciou o aumento do efetivo policial, com 42 militares e 40 civis. O Departamento Estadual de Trânsito (Detran) também investirá na cidade, na estruturação da Ciretran, sinalização de ruas e trabalho educativo.

Ramais do Povo

Cruzeiro do Sul não ficou de fora do programa Ramais do Povo, que tem foco no melhoramento de ramais, principalmente em pontes, bueiros e pontos mais críticos que impedem o tráfego. Também haverá  trabalho de abertura de ramais e pavimentação.

 

Este ano será diferente, e a comunidade terá  uma participação mais efetiva na escolha dos ramais contemplados, explicou o diretor do Departamento de Estradas de Rodagem do Acre (Deracre), Ocírodo Júnior. Aproximadamente R$ 10 milhões, entre recursos do BNDES, do governo do Estado e do governo federal, serão investidos na cidade.

 

Regularização de terras

 

Foi anunciada a regularização do Lote 173, dentro do Seringal Miritizal, Crôa e Gleba Retumba. Em todo o Estado serão beneficiadas seis mil famílias. Em Cruzeiro do Sul, 379 propriedades serão alcançadas, num investimento de R$ 1,2 milhão. O diretor do Instituto de Terras do Acre (Iteracre) explicou que os lotes urbanos não serão regularizados, pois o município não fez parceria com o Estado. “Faremos o possível para regularizar pelo menos as áreas que puderem ser contempladas pela lei do usucapião”, comentou.

 

Depasa

 

Somente em pavimentação de ruas o governo do Estado, através do Departamento de Pavimentação e Saneamento (Depasa), vai investir R$ 50 milhões, gerando 585 empregos diretos e mais de 1,2 mil indiretos para pavimentar 238 ruas. Para 2013 está programada a pavimentação de 64 ruas. Nessa área, de acordo com o diretor do Depasa, Gildo César, o investimento será de aproximadamente R$ 10 milhões. Entre os serviços executados estão a melhoria nos reservatórios metálicos existentes, hidrometração, perfuração de poços tubulares para captação de água, construção e instalação de mais reservatórios e 17 quilômetros de rede de água.

 

Com a palavra, os parlamentares:

 

Eber Machado

O que a gente nota é o sentimento de um governador que a gente vê que é apaixonado pelo povo do Acre. Temos que fazer parte e se orgulhar deste governo, que trabalha para o povo

Jamyl Asfury, deputado estadual

O orçamento do Estado, quando a Frente Popular assumiu, era de aproximadamente R$ 300 milhões. E hoje nós vemos em investimentos, só em Cruzeiro do Sul, mais de R$ 350 milhões

Jonas Lima, deputado estadual

Só não enxerga quem não quer as mudanças do nosso país e do nosso Estado. É uma pena que ainda existam políticos que governam como há 40 anos e não mudam suas práticas. O governador veio aqui porque não tem nada a esconder. Ele está empenhado em levar nosso Estado a outro patamar, ele cuida das pessoas

Geraldo Pereira, deputado estadual

Os deputados da oposição votaram contra a UPA que será construída aqui, contra as ruas, ampliação da oferta de vagas nas escolas, ramais... Eles deveriam ter votado a favor dos projetos e cobrar eficiência na execução. Mas preferiram votar contra o povo de Cruzeiro do Sul. Precisamos estar acima desses interesses, como o governador Tião Viana tem nos ensinado

Maria Antônia, deputada estadual

Fico muito honrada em acompanhar a comitiva do governador, porque nós vemos os muitos investimentos que o governo tem feito, e muito feliz em saber que o maior beneficiado é a população do nosso Estado, dos nossos municípios

Elson Santiago, presidente da Aleac

O governador trouxe todo o secretariado e mostrou tudo que o governo está fazendo em Cruzeiro do Sul. São mais de R$ 350 milhões em investimentos, e não é para o Estado do Acre, é apenas para a nossa Cruzeiro do Sul

Taumaturgo Lima, deputado federal

É uma tarefa difícil ser parlamentar, porque nós trabalhamos, nos esforçamos, buscamos, e o trabalho nem sempre aparece. Mas quando a gente vê um governo fazendo essa quantidade de anúncios de investimentos, nosso trabalho aparece, porque o nosso papel é dar suporte para que tudo isso aconteça

Perpétua Almeida, deputada federal

Vamos continuar dando notícias boas. Quando a gente trabalha junto, consegue trabalhar mais pelas pessoas e mais pelo povo. Essas agendas têm reunido em todos os municípios deputados de situação e de oposição. Quem quiser criticar pode criticar. É um direito. Mas nós não vamos deixar de trabalhar, de fazer o que é preciso

Anibal Diniz, senador

O governador Tião Viana está de parabéns por trazer sua equipe e detalhar cada um dos investimentos que serão feitos aqui. Isso é fazer política com a máxima de sua grandeza. Para nós isso tem um significado muito grande, porque fazemos política tentando dar respostas aos problemas que enfrentamos, mas também tentando planejar o futuro

 

Tatiana Campos

Add a comment (0)

Programação do Mês da Mulher é aberta oficialmente

Tiao viana dia da mulher

O governador Tião Viana e a secretária de Políticas para as Mulheres, Concita Maia, entregaram ao chefe da Polícia Civil, delegado Emylson Farias, a chave de cinco viaturas

A programação oficial em comemoração ao Mês da Mulher foi aberta na manhã desta quinta-feira, 7, em frente ao Palácio Rio Branco. Para marcar a data, o governador Tião Viana e a secretária de Políticas para as Mulheres, Concita Maia, entregaram ao chefe da Polícia Civil, delegado Emylson Farias, a chave de cinco viaturas destinadas às delegacias especializadas de atendimento à mulher, numa demonstração de que não haverá tolerância alguma com a violência sexual.

O mês é de comemoração pelas conquistas alcançadas, mas, a julgar pelos discursos ouvidos na abertura da programação, é também um momento de se posicionar “contra a grande mancha moral civilizatória que vivemos, que é a violência sexual contra crianças. A intolerância tem que ser total. Temos que radicalizar”, disse o governador Tião Viana.

A secretária de Políticas para Mulheres lembrou que no Acre há o que comemorar. Entre as conquistas está a criação da secretaria que permite que as ações de governo e as políticas públicas sejam trabalhadas de forma transversal a todas as secretarias, como tem acontecido nas mais diversas áreas, dos pequenos negócios à inclusão produtiva no campo”, disse.

 

As viaturas serão destinadas às delegacias especializadas de atendimento à mulher de Rio Branco e Cruzeiro do Sul

O delegado Farias ressaltou que a entrega das viaturas é a demonstração do compromisso do governo da presidente Dilma Rousseff e do governador Tião Viana com o reaparelhamento das delegacias. “Nós temos que convocar uma cruzada para que não haja a banalização da violência e o ataque às instituições, porque atacar as instituições é atingir o Estado democrático de direito”, comentou.

Participaram da programação, além de autoridades religiosas e do Judiciário, os deputados Elson Santiago, presidente da Assembleia Legislativa, Astério Moreira, líder do governo, e Jonas Lima.

 

Tião Viana abriu oficialmente o Mês da Mulher no Acre

 

Na programação do Mês da Mulher estão debates, cursos, seminários, atividades culturais, dia de beleza e exposição de artesanatos. Os eventos acontecem em vários municípios do Acre.

Em homenagem e em respeito às mulheres, o pronunciamento oficial do governo do Estado em alusão ao Dia da Mulher, que irá ao ar nesta sexta-feira, 8, será feito pela primeira-dama, Marlúcia Cândida, que estará ao lado do governador Tião Viana.

Agência de Notícias do Acre - Tatiana Campos Fotos: Sérgio Vale

Add a comment (0)

Eletrobrás restabelece fornecimento da energia elétrica no Miritizal e outros bairros

Miritizal

A gerência regional da Eletrobrás autorizou na tarde de segunda-feira (02) o restabelecimento da energia nos bairros da Olivença e Miritizal que havia sido suspensa para mais de mil casas que ficaram no escuro durante cinco dias por motivo das águas do Rio Juruá. Depois de uma vistoria no local os técnicos decidiram desligar a rede de baixa e alta tensão por motivo de segurança dos moradores.

Os moradores inconformados com a decisão da Eletrobrás fizeram uma grande manifestação na ponte da União que foi interditada e em seguida foram até a frente da sede do Escritório da empresa para solicitar o religamento da energia no bairro que causou diversos tipos de prejuízos à população, além de deixar o bairro às escuras. A manifestação só acabou depois que foi garantido o retorno da energia.

Os manifestantes reclamaram que em anos anteriores a Eletrobrás não interrompia o fornecimento da energia sem que água atingisse as residências e a suspensão causou grandes transtornos nas escolas da comunidade. Os diretores tiveram que devolver os produtos da merenda escolar para a Coordenação Estadual de Educação para não perder os alimentos.

O Gerente Regional da Eletrobrás em Cruzeiro do Sul, José de Sousa Melo, afirmou que a energia foi desligada porque a água do Rio Juruá atingiu 12,48 metros, ultrapassando a cota de alerta e atingindo os postes da rede de alta tensão que ficaram dentro d’água e se permanecessem com a energia ligada poderia causar riscos de acidentes aos próprios moradores.

A Eletrobrás suspendeu o fornecimento de energia elétrica nos bairros Miritizal, Lagoa e Olivença e nas comunidades Tapiri, Bôca do Môa e Praia grande e segundo José Melo está sendo religada de acordo com a vazante do Rio Juruá para garantir segurança aos moradores que ficam prejudicados, mas ressaltou que o desligamento só acontecesse por motivos técnicos de segurança.

Add a comment (0)