Índios bloqueiam BR-364 e querem libertação de parentes presos na penitenciária

DSC 0059

Os índios Katuquinas da aldeia interditaram a BR-364 na manhã desta quinta-feira (21), por volta das 10:30 horas, na altura do quilômetro 18 da terra indígena, no sentido Cruzeiro do Sul/Rio Branco o que ocasionou a interrupção do tráfego de veículos. Pintados para a guerra eles reivindicam a libertação imediata de quatro parentes presos há mais de um ano na penitenciária Manoel Nery da Silva, acusados de diversos crimes.

Os quatro índios foram presos em fevereiro de 2012. Três deles foram condenados a 38 anos de prisão pelo crime de estupro de vulnerável. Segundo as investigações da Polícia Civil os índios que estavam em duas motocicletas deram carona a uma adolescente de 14 anos e no percurso a levam para um matagal próximo a aldeia onde a estupraram.

O outro índio que está preso foi condenado recentemente a 24 anos de prisão pelo crime de homicídio qualificado. Sérgio Rosa Katuquina foi julgado pela morte do taxista Sergio Vasconcelos, 53, que foi espancado na cabeça com uma garrafa de cachaça, após uma discussão com o indígena.

Revoltados com a condenação dos parentes que somam mais de 60 anos de prisão os índios decidiram bloquear a BR-364. Caminhões com mercadorias, ônibus com passageiros e veículos de passeio ficaram presos na rodovia. O jornalista Elson Costa que retornava de São Paulo em um ônibus só conseguiu passar pelo bloqueio depois que gravou reportagem com os índios.

A mãe de Sérgio Katuquina liderou o movimento na BR-364 e garantiu que as autoridades precisam tirar seu filho e os demais parentes do chiqueiro que é a penitenciária, pois seus filhos e esposas estão sofrendo e passando necessidades.

Por volta das 13:00 horas os indígenas negociaram com policiais militares e com representantes da Funai que foram até ao local do protesto e em seguida decidiram liberar o tráfego na BR-364 pela garantira que uma conversa com as autoridades da Justiça para debater a libertação dos parentes. A negociação será na manhã desta sexta-feira (22) e caso não obtenham sucesso os indígenas garantem que voltarão a interditar a rodovia federal.

Elson Costa - Fotos - Elson Costa

Powered by Bullraider.com