Promotor Dr. Rodrigo Fontoura cumpre missão na Promotoria de Cruzeiro do Sul

Promotor Rodrigo

O promotor de Justiça, Dr. Rodrigo Fontoura de Carvalho, titular da Promotoria Especializada na Defesa do Meio Ambiente da Bacia Hidrográfica do Juruá, com atribuições em Direitos Difusos e Coletivos, da Promotoria de Cruzeiro do Sul, encerra nesta quarta-feira (30) sua jornada em Cruzeiro do Sul, onde exerceu sua função durante quase três anos e agora está transferido para o município de Plácido de Castro onde continua seu trabalho.

 

O promotor destaca que foram quase três anos de muito trabalho na região do Juruá, onde ele tratou sempre com muito respeito à população que passou a respeitar o trabalho do Ministério Público e da Justiça, colaborando com denúncias que levaram a prisão prefeitos, vereadores, além de servidores que foram processados, ressaltando o apoio recebido da sociedade, da imprensa, das polícias Civil, Militar, Federal e do Corpo de Bombeiros.

 

“É necessário destacar que minha transferência é uma movimentação normal do Ministério Público. Estou sendo transferido para o município de Plácido de Castro, apesar de não ter pedido transferência, sendo importante ressaltar que ninguém está me transferindo, apenas é uma movimentação normal na carreira de promotores, juízes, delegados, policiais militares. A mudança é uma coisa normal e garante que outros colegas mostrem seu trabalho”, disse.

 

Segundo Rodrigo Fontoura o Ministério Público do Acre realizou grandes investimentos para prestar melhor serviço à população do Juruá, com a contratação de promotores, servidores e a construção de uma sede própria com boa estrutura física que garante melhor atendimento ao povo mais carente que não tem a quem recorrer quando tem seus direitos violados e buscam no MP a solução de algum problema.

 

“A Justiça e a Segurança Pública como um todo melhoraram muito nestes últimos três anos. O próximo passo é fazer uma presença maior nos municípios de Porto Walter e Marechal Thaumaturgo. É importante ressaltar que o trabalho continua, algumas investigações estão em curso e deixo um grande abraço à população do Juruá. Sou grato aos servidores do Ministério Público e do Judiciário que muito contribuíram para o sucesso do meu trabalho”, disse

 

O promotor afirma que o Ministério Público é o advogado da sociedade e desempenha uma importante missão amparada pela Constituição de 1988 de fazer valer a legalidade e o espírito democrático no país lembrando que o Brasil vive um momento novo onde as pessoas estão muito mais conscientes de seus direitos e os últimos acontecimentos mostram que se vive um estado de transparência onde ninguém está blindado e tem que assumir aquilo que faz.

 

“Os últimos acontecimentos mostram que, principalmente as pessoas que foram eleitas para gerir o patrimônio público, respeitar pessoas e concretizar sonhos muitas vezes desrespeitam a confiança do povo e fazem coisas erradas que prejudicam a população que em regra é um povo pobre, humilde e sofrido. Mas, agora tem que arcar com as conseqüências. Deixo uma mensagem de esperança para que as pessoas continuem confiando no trabalho da polícia, da imprensa, do Ministério Público, do Tribunal de Contas e da Justiça”, finalizou.

 

www.vozdonorte.com.br - Elson Costa 

Add a comment (0)

Mestre Monteiro visita mais uma vez Cruzeiro do Sul e destaca crescimento da UDV no Juruá

Mestre Monteiro 3 Cidadao cruzeirense

Cidadão Cruzeirense, o Mestre da União do Vegetal (UDV), Raimundo Monteiro de Souza (Mestre Monteiro) mais uma vez visita Cruzeiro do Sul, onde participou no final de semana de atividades dos Núcleos da religião espírita que já tem três Núcleos em Cruzeiro do Sul, além de unidades em Mâncio Lima, Marechal Thaumaturgo, Tarauacá, Feijó e em Guajará (AM) dá os primeiros passos para a abertura de uma unidade.

Mestre Monteiro residiu em Cruzeiro do Sul por mais de cinco anos e no período em que o ex-governador Orleir Cameli administrou o Estado desempenhou algumas atividades, dentre elas, a administração do Hospital Hernane Agrícola e junto com sua esposa Zildinha transformaram totalmente a visão que se tinha daquela unidade hospitalar que apenas atendia hansenianos. Pelo trabalho desempenhado receberam muitos elogios.

Na Câmara Municipal o vereador Francisco Vasconcelos, reconhecendo o trabalho de destaque prestado por Mestre Monteiro em prol do município de Cruzeiro do Sul, indicou seu nome para receber o título de Cidadão Cruzeirense, que foi aprovado por unanimidade. Nesta viagem Monteiro está acompanhado do empresário Edair, que também é Mestre da União do Vegetal.  

“Cruzeiro do Sul é minha terra, pois sou Cidadão Cruzeirense e sempre que posso volto para rever os muitos amigos que fizemos no período que aqui vivemos. O povo daqui faz parte da minha vida. Nesta viagem estou acompanhado do Mestre Edair, um ilustre amigo meu, que é fundador do Núcleo da União do Vegetal em Uberlândia. Aqui sempre encontro meu amigo Mestre Mesquita, que é um bom amigo dos meus dias que passei em Cruzeiro do Sul. O povo cruzeirense sempre recebe com muito carinho seus visitantes e me sinto entre amigos quando estou aqui”, disse Monteiro.

Mestre Monteiro explica que a União do Vegetal é uma religião que proporciona mais clareza para a vida das pessoas e destaca que no vale do Juruá a UDV tem tido grande desenvolvimento porque muitas pessoas em Cruzeiro do Sul estão querendo buscar um lugar e uma religião que possa clarear mais sua consciência e tornar mais evidente a existência de Deus, ressaltando que apesar da distância dos grandes centros é um povo que busca se desenvolver.

“Essa é uma região muito importante, onde está a maior biodiversidade do Brasil e se fizermos um cálculo matemático, considerando todas as religiões - católica e evangélicas - que são milenares, podemos afirmar que a União do Vegetal, que tem apenas 50 anos, está tendo um crescimento muito rápido. Como todas as religiões temos uma comunhão sagrada, que é um chá misterioso da nossa floresta amazônica que nos proporciona momentos de êxtase com lucidez, sentimento fraterno e humanitário sobretudo”, afirmou.

O Mestre da UDV destaca que a União do Vegetal está se estabelecendo de forma ordeira em muitos países, uma das profecias do fundador da sociedade religiosa, o Mestre Gabriel e vem adquirindo seus direitos pelas leis de cada país e proporcionando a paz entre as sociedades e os povos, além de um ganho cultural ao Brasil que as pessoas ainda não perceberam. “Onde está a União do Vegetal as pessoas tem que aprender o português para poder participar”, informou.

A decisão da Suprema Corte Americana, que liberou o uso religioso do Chá Hoasca nos Estados Unidos, é um grande marco da história da União do Vegetal, destaca Mestre Monteiro, que foi uma das pessoas que participaram das audiências nos EUA para explicar a razão de ser da sociedade religiosa. “Com certeza esta decisão é um grande marco. Os Estados Unidos é um país poderoso e a União do Vegetal buscou vencer o presidente americano, que investiu contra a sociedade, se utilizando da própria lei do país o que foi garantido pela decisão unânime da sua Suprema Corte de Justiça”, afirmou.     

Monteiro destaca que na União do Vegetal se conhece a origem do humano e pelo conhecimento dessa origem se percebe a razão de tantas atrocidades que acontecem na humanidade e ressalta a urgência de uma reformulação do Código Penal Brasileiro e principalmente do Código do Menor para suprir as necessidades que a sociedade brasileira vem sofrendo pela falta de Justiça.

“Mas, nesse trabalho é preciso também envolver pessoas que conheçam a espiritualidade e o ser humano para que se faça um trabalho bem feito e consciente”, aconselha.

O Mestre da UDV se despede da visita ao Jornal Voz do Norte com uma mensagem à população de Cruzeiro do Sul. “ Aos meus amigos e ao povo cruzeirense sempre deixo uma mensagem de fraternidade, amizade e de esperança, que é algo que nunca podemos perder. Temos sempre de estar esperançosos de coisas boas para nossos lares e para nossa sociedade”, finalizou. 

 

www.vozdonorte.com.br - Elson Costa

Add a comment (0)

Empresário Assem Cameli é o novo presidente da Associação Comercial do Alto Juruá

Associação Comercial Marcus e Assem

Empresários de Cruzeiro do Sul elegeram Assem Cameli para a presidência da Associação Comercial do Alto Juruá (ACAJ), entidade centenária que defende os interesses da classe empresarial. Assem Cameli substitui o atual presidente, empresário Marcus Venícius que permaneceu no cargo por mais de 10 anos.

 

A reunião foi presidida pelo presidente Marcus Venícius com apoio dos funcionários da ACAJ que coordenaram a eleição que teve duas chapas: a Chapa A foi encabeçada pelo empresário André Santos e a Chapa B pelo empresário Assem Cameli que venceu pela diferença de apenas dois votos.

André Santos, filho do saudoso Zinho Santos, destacou a honra de participar do processo eleitoral na ACAJ lembrando a memória do pai que por muitos anos comandou a importante entidade representativa dos empresários do vale do Juruá que ao longo dos tempos tem garantido conquistas importantes para o desenvolvimento da região.

 

Marcus Venícius parabenizou o empresário Assem Cameli e a classe empresarial cruzeirense, lembrando que a Associação Comercial tem ao longo dos tempos garantindo importantes conquistas para o povo do Juruá, destacando a implantação da primeira agência do Banco do Brasil que funcionou no prédio da associação.

 

“Depois de tanto tempo é chegado o momento de passar esta responsabilidade para outro empresário, mas estou satisfeito em passar para o empresário Assem Cameli que vai realizar um bom trabalho. Mesmo tendo duas chapas concorrendo vemos que depois da eleição todos se irmanaram e estão querendo unificar as forças para garantir melhorias para a classe”, disse.

 

Marcus Venícius destaca que a Associação Comercial é uma entidade centenária que já prestou importantes trabalhos que contribuíram com o desenvolvimento do vale de Juruá, principalmente no fortalecimento da classe que depois do Estado e da Prefeitura é quem mais gera empregos nos municípios da região e promove o desenvolvimento local.

 

“Tenho certeza que o Assem vai desenvolver um trabalho voltado para o fortalecimento da classe. Fizemos o que foi preciso fazer e espero que o novo presidente tenha uma boa arrecadação de recursos, pois sem dinheiro não se chega a lugar nenhum”, disse, destacando o trabalho realizado pelo Centro Educativo Adilis Nogueira Maciel (Ceanom) administrado pelo Conselho Empresarial da Mulher que garante capacitação a centenas de jovens carentes a cada ano.

Assem Cameli agradeceu a confiança dos empresários cruzeirenses que o elegeram para a presidência da Associação Comercial convidando todos para se unirem na luta para conquistar dias melhores para a classe e para a região.

“Com certeza vamos assumir a presidência da Associação Comercial para dar continuidade ao trabalho desenvolvido pelo Marcus. Vamos inovar em algumas coisas para melhorar a representatividade da classe. Convidamos todos os empresários para se unir no trabalho dessa entidade centenária que é a terceira mais antiga do Brasil e vem dando uma grande contribuição ao desenvolvimento do vale do Juruá gerando muitos empregos para nossa juventude”, disse.

 

O novo presidente destacou o trabalho desenvolvido pelo Conselho Empresarial da Mulher, que tem a frente a empresária Agamedina Sales e conta com o apoio de muitas empresárias, que tem realizado apoio e capacitação a centenas de crianças e jovens.

 

O empresário Luiz Augusto, proprietário do LABSUL – Laboratório e Diagnósticos Clínicos parabenizou os empresários da Associação Comercial destacando a importância da entidade centenária.    

 

“A Associação Comercial realiza um importante trabalho para o desenvolvimento da região e esses empresários conhecem muito dos principais problemas do município e tem muito a contribuir com nossa população. Estamos juntos nesse trabalho e queremos dar nossa contribuição”, disse.

Neto Tomé, do Mercantil Cohab, afirmou que a eleição da nova presidência da Associação Comercial é um passo importante para a classe empresarial que precisa se fortalecer cada vez mais.

“É preciso ressaltar o importante trabalho realizado pelo empresário Marcus Venícius que garantiu importantes conquistas para a classe empresarial. Então, é um novo momento, precisamos estar perto da nova diretoria e garantir apoio ao presidente nesse trabalho que requer a união de todos os associados. Espero que cada vez mais os associados se conscientizem que precisam dar sua parcela de contribuição”, disse.  

 

www.vozdonorte.com.br - Elson Costa

Add a comment (0)

Depois de 20 horas de chuva Corpo de Bombeiros registra alagamentos e desmoronamentos em Cruzeiro do Sul

1

Depois da forte chuva que começou no final da tarde de segunda feira,21, e só parou na tarde de terça feira,22, o Corpo de Bombeiros registrou  diversas ocorrências na cidade. Em muitos lugares a água tomou conta das ruas e invadiu residências. Nos locais mais altos da cidade aconteceram vários desmoronamentos de terra e queda  de muros.

 

O comandante do Corpo de Bombeiros, Major BM Araújo, que é o representante da Defesa Civil Estadual na região, explicou que essa foi uma das chuvas mais longas que já caiu na cidade nos últimos tempos. Segundo ele os dados pluviométricos do Corpo de Bombeiro  marcaram o volume de água durante a chuva foi de 96 milímetros, que corresponde a 96 litros de água por metro quadrado.

 

Apesar da forte chuva o nível do Rio Juruá não sofreu nenhuma alteração, pois segundo o comandante,  a chuva que caiu em Cruzeiro do Sul não chegou aos municípios de Porto Walter e Marechal Thaumaturgo. Na manha desta quarta-feira o nível do Rio Juruá estava em 9,5 metros, dez centímetros menos que no dia anterior.

 

Major Araújo ressalta que o municio de Ipixuna, no Amazonas, é que vai sentir o impacto da chuva que caiu na região de Cruzeiro do Sul, mas não descarta as possibilidades de uma possível cheia do Rio Juruá ainda este ano, lembrando que nos últimos cinco anos as maiores cheias aconteceram entre Março e Abril.

 

O comandante  explicou que como representante da  Defesa Civil Estadual tem percebido que a Secretaria de Obras da Prefeitura não tem fiscalizado as áreas de risco da cidade,  o que tem ocasionado invasões indiscriminadas e sempre que acontecem fortes chuvas na cidade as principais ocorrências são nestas áreas.

 

www.vozdonorte.com.br -  Francisco Rocha

Add a comment (0)