Alunos são premiados por bom desempenho escolar

Alunos premiados 4

Rubiluci Almeida (Setor de Comunicação e Eventos do NSEE).

 “É muito difícil, ser aluno cinco estrelas, mas com a ajuda dos professores e o compromisso de estudar muito, não é impossível”, disse o aluno Davi Araújo Vieira, do 4º ano, durante a cerimônia de premiação dos alunos cinco estrelas do 1º ao 9º ano do Ensino Fundamental da escola São José, que aconteceu na quinta-feira, (13), no pátio da escola.

Alunos premiados 1

Segundo a diretora da escola, Sernízia Araújo Correia, mais do que ganhar medalhas, a ação é um reconhecimento pela dedicação e empenho de cada estudante. “ O aluno que se empenha e se dedica merece ser reconhecido e dessa maneira serve de exemplo para os colegas que vão querer se empenhar também para ter uma boa atuação escolar e receber a premiação”, salientou a gestora.

A professora do 4º ano, Glória Rufino, destaca que a aprendizagem dos alunos é resultado do trabalho de toda uma equipe. “Essa premiação é motivo de orgulho, pela comprovação da aprendizagem de nossos alunos, fruto do trabalho incansável e empenho de todos os professores, da dedicação de cada funcionário, do envolvimento dos pais na educação de seus filhos”, disse.

Alunos premiados 2

Essa premiação é uma interessante forma de incentivar os alunos a buscar melhores notas e se sobressaírem nas avaliações externas. “Sendo reconhecidos pelo desempenho dá mais vontade de estudar, de superar nossos limites, de mostrar o que aprendemos e sabemos”, disse Rúbia Layra, aluna do 5º ano na escola.

Alunos premiados 3 

O evento contou com a participação dos policiais militares, sargentos Cristovão e Antonio Silva, que atuam no Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência (PROERD) nas escolas públicas e particulares de Cruzeiro do Sul. “Nosso trabalho busca transmitir uma mensagem de valorização à vida e da importância de manter-se longe das drogas e da violência, almejando uma sociedade melhor para todas essas crianças e adolescentes”, avaliou o sargento Antônio Silva.

Criado por volta de 2005 a 2006, o sistema de premiação surgiu de uma das ações do PDE que visa reconhecer e valorizar o bom desempenho do estudante a partir da avaliação das notas ao longo dos bimestres, alcançando e indo muito mais além da média de qualidade (7.0).

“Sinto-me feliz e recompensado por essa iniciativa. Esse é um incentivo não só para os alunos, mas para os pais a se comprometerem mais e acompanhar o desempenho de seus filhos buscando maior proximidade com a escola”, avaliou o Sargento Cristóvão, também pai de aluno contemplado.

 

 

Powered by Bullraider.com