Toyota Hilux em alta velocidade se choca e destrói Santana estacionado

Santana destruido 1

Santana do Pastor Manoel ficou com a frente totalmente destruida

Policiais do Pelotão de Trânsito foram acionados pelo Centro Integrado de Operações de Segurança Pública (Ciosp) para atender ocorrência no bairro do Tiro ao Alvo. Ao chegar ao local os policiais encontraram um veículo Santana, placa LHX 4469, totalmente destruído e com as rodas para cima. Mais em baixo um veículo Toyota Hilux SW4, placa DAW 8328, de cor verde, tinha caído no barranco e se chocado contra a parede de uma mercearia. O Santana foi arremessado há mais de 15 metros.

Segundo testemunhas o veículo Toyota, por volta das 22:00 horas desta sexta-feira (22) ,trafegava em alta velocidade na Rua Linha do Tiro ao Alvo, vindo do Conjunto Cumaru fazendo zigue zague no meio da rua, quando se chocou frontalmente com o Santana que estava estacionado em frente a Igreja Assembleia de Deus. Desgovernado o Toyota caiu no barranco se chocando contra a parede de uma mercearia. O motorista do veículo se evadiu do local rapidamente.  

O pastor da Igreja Evangélica Assembleia de Deus Bragantina, Manoel Messias dos Santos, proprietário do Santana, disse que estava numa atividade com o grupo de jovens quando ouviu um grande barulho e em seguida outro estrondo. Ao sair encontrou seu carro com as rodas para cima e o outro caído no barranco e por pouco não caiu em cima da igreja.  

“ Foi um grande susto. Tinha muita gente dentro da igreja e já estávamos de saída, momento antes de acontecer o acidente. Graças a Deus, que nos deu o livramento, ninguém ficou ferido. Esse veículo é o que uso para trabalha, sou professor em Rodrigues Alves e a noite o usava para transportar os irmãos para as atividades da igreja. Algumas vezes também levada pessoas ao pronto socorro. Sem este veículo estou sem pernas”, ressaltou.

O sargento PM Viga, comandante da Guarnição de Trânsito, informou que os procedimentos legais foram realizados e o proprietário do Toyota foi identificado como sendo Rafael Dantas de Medeiros. A perícia não compareceu ao local porque não houve vítima, mas o Boletim de Acidente de Trânsito será feito e a parte prejudicada deve buscar a Justiça para reparar o seu prejuízo.

Elson Costa - Fotos:Elson Costa

  

 

Add a comment (0)

Técnica de enfermagem vítima de acidente de trânsito morre na UTI do Hospital Regional do Juruá

samira ok

Família afirma que vai entrar com ação judicial contra Estado

A diretoria do Hospital Regional do Juruá anunciou na manhã de domingo (17) que a técnica de enfermagem Samira Barroso, 29, que estava na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI), vítima de acidente de motocicleta na sexta-feira (15) à noite, morreu por volta das 05:30 da madrugada.

De acordo com os médicos seu quadro clínico era irreversível e desde sábado tinha sido diagnosticada a morte cerebral. Samira trabalhava no Hospital Regional do Juruá e tinha saído do plantão às 19:00 horas. Ao perceber que tinha esquecido o carregador do celular chamou o tio Francisco das Chagas Sales de Souza, 33, para levá-la ao hospital.

Sem saber que a rua não tinha saída caíram numa cratera aberta num trecho da Rua Alfredo Teles construída pelo programa Rua do Povo e apartado pelas fortes chuvas. O motoqueiro morreu depois de ser atendido no Pronto Socorro do hospital e Samira que teve afundamento craniano, foi internada na UTI, mas não resistiu aos ferimentos.

A jovem de 29 anos era mãe de dois filhos e teve o sonho de se tornar enfermeira interrompido pela fatalidade. Emocionado o diretor do Hospital Regional do Juruá, Dr, Marcos Melo de Lima, afirmou que Samira era uma servidora exemplar que trabalhava há quase dois anos com muito empenho e dedicação.

Funcionários, médicos e diretores participaram de uma celebração religiosa na capela do Hospital Regional do Juruá para se despedirem da colega de trabalho que teve seu corpo transladado de avião para o município de Ipixuna (AM) onde moram seus familiares. As despesas do translado foram pagas pela Prefeitura de Ipixuna.

A família da vítima afirmou que vai entrar com ação judicial contra o Estado do Acre.“ Pagamos caro para dirigir nossos veículos e somos muito cobrados para estar  legalizados. Então, merecemos ter ruas sinalizadas, iluminadas e em boas condições de tráfego. Se a rua não der condição de tráfego tem que ser interditada para que pessoas inocentes não sejam assassinadas, como aconteceu com nossa família” disse Erlir Farias de Araujo, tío da vítima.

Samira que era filha única também trabalhava junto com a mãe Maria de Nazaré Barroso e o padrasto Francisco Adilsom Saraiva Herculano na representação da prefeitura de Ipixuna em Cruzeiro do Sul.

Elson Costa - Fotos Arquivo/Cedidas

Add a comment (0)

Motociclista cai em buraco numa ladeira da Rua Alfredo Sales e morre

acidente1

O motociclista Francisco das Chagas Sales de Souza, 34, natural de Ipixuna (AM), morreu por volta das 22:00 horas desta quinta-feira (14), depois de cair em um buraco na Rua Alfredo Teles, nas proximidades do depósito do empresário João Garapa, quando trafegava em uma moto Honda CG Titan, placa NAF 3549 e caiu num buraco.

Segundo testemunhas Francisco das Chagas trafegava pela Rua Alfredo Teles, levando na garupa Samira Barroso Araújo e ao descer a ladeira não percebeu que havia uma grande cratera aberta de um lado para o outro da via onde caiu sofrendo uma forte pancada na cabeça.

A vítima ainda foi atendida pelos profissionais do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), mas não resistiu aos ferimentos e morreu no Pronto Socorro do Hospital Regional do Juruá. A passageira que estava na garupa da moto teve achatamento de crânio e se encontra na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) aguardando procedimento cirúrgico.

A ocorrência foi atendida pela viatura do Pelotão de Trânsito que foi acionada pelo Centro Integrado de Operações de Segurança Pública (Ciosp). A motocicleta foi entregue a Marcos José Sales da Cruz.

www.vozdonorte.com.br – Elson Costa

Add a comment (0)

Prefeitura e Governo do Estado recuperam porto de Rodrigues Alves

Rodrigues Porto 1

O acesso de Cruzeiro do Sul ao município de Rodrigues Alves pela Variante estava ficando complicado devido à vazante do Rio Juruá que deixou o porto cheio de lama. Poucos motoristas se arriscavam em entrar com o carro nas balsas que fazem a travessia. Para resolver o problema, a Prefeitura de Rodrigues Alves solicitou o apoio do Governo do Estado e esta semana está realizando os trabalhos de recuperação.

O porto de Rodrigues Alves interfere diretamente no tráfego da BR 364 e, portanto, qualquer obra para facilitar o acesso seria de responsabilidade de Governo. Entretanto, como depois da pavimentação da Variante, a população de Rodrigues Alves é quem mais depende do acesso, o prefeito Burica decidiu providenciar a recuperação.

As máquinas da Prefeitura deram início à obra na manhã de ontem (quinta-feira) e, se não chover, será concluída em dois dias. Toda lama que ficou acumulada depois que a água do rio baixou, está sendo retirada e a descida do porto está sendo coberta com camada vegetal par evitar atoleiro.

“Nesse período só é possível fazer esse trabalho paliativo para facilitar a vida das pessoas que precisam sair de Rodrigues Alves para realizar seus negócios em Cruzeiro do Sul. Mas estamos com nossa equipe trabalhando para fazer o que for possível para melhorar as condições de acesso à nossa população” disse o prefeito.

Para realizar o trabalho o DERACRE contribuiu com parte do combustível. As máquinas e os servidores da Prefeitura são responsáveis pelos serviços.

O acesso pela Variante reduz em mais de 30 quilômetros a viagem entre os municípios de Cruzeiro do Sul e Rodrigues Alves. Pela estrada antiga o motorista percorre 45 quilômetros e pela Variante apenas 11. 

 Mazinho Rogério - Assessor de Comunicação da Prefeitura de Rodrigues Alves 

Add a comment (0)