Execução na Várzea, feminicídio contra jovem desaparecida, além de incêndios em casas e morte no trânsito marcam final de semana na área policial
Violência e mortes no final de semana tira tranquilidade da população, mas a maioria delas está ligada a guerra de facções

Execução na Várzea, feminicídio contra jovem desaparecida, além de incêndios em casas e morte no trânsito marcam final de semana na área policial

Violência e mortes no final de semana tira tranquilidade da população, mas a maioria delas está ligada a guerra de facções

Violência e mortes no final de semana tira tranquilidade da população, mas a maioria delas está ligada a guerra de facções

O final de semana na área policial foi marcado por dois homicídios, uma morte no trânsito e mais quatro incêndios que atingiram residências na noite deste domingo (03). Os crimes estão sendo investigados pela Polícia Civil. A execução de um jovem com seis tiros e o assassinato da jovem que desapareceu na tarde de sábado, morta com várias facadas, foram as ocorrências de maior gravidade, além da morte de um motociclista.

Jovem foi encontrada morta dentro de uma casa abandonada Foto: Arquivo da família

Jovem foi encontrada morta dentro de uma casa abandonada Foto: Arquivo da família

O primeiro registro policial ocorreu do final de semana na tarde de sábado (02) com o desaparecimento da adolescente Auine Santos de Lima, 14, feito pela família. Lamentavelmente, no início da tarde deste domingo a jovem foi encontrada morta, vítima de várias facadas, numa casas em construção no bairro São José. De acordo com a mãe da jovem, Sirlanja Lima, os tios da jovem fizeram o reconhecimento do corpo da jovem.

Os tios da  jovem reconheceram o corpo da jovem e foram ao Instituto Médico Legal (IML) para levar os documentos da mesma. “É uma tristeza e um grande sofrimento. Ela não andava com dinheiro, não andava com celular, não tinha nada para assaltarem ela, foi só por maldade mesmo. Queremos justiça”, falou a mãe. A Polícia Civil está investigando o crime e já tem alguns indícios que podem levar ao autor ou autores.

No bairro da Várzea joem foi executado com vários tiros, mas ainda não se sabe a razão do crime

No bairro da Várzea joem foi executado com vários tiros, mas ainda não se sabe a razão do crime

Outro grave crime ocorreu na noite de sábado (02) quando um jovem identificado como “Guirson” foi executado com seis tiros na Rua Mato Grosso, no bairro da Várzea, por volta das 20:00 horas. Segundo as primeiras informações um carro preto parou nas proximidades onde estava a vítima e um homem o convidou para se aproximar do veículo momento que foi executado. Depois de atingida a vítima caiu e ficou agonizando.

Depois da execução os criminosos tomaram rumo ignorado e apesar de ainda não ter nenhuma pista a Polícia Civil iniciou as investigações para identificá-los e já tem alguns indícios da autoria. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) foi acionado, mas ao chegar ao local do crime já encontrou a vítima sem vida e em seguida encaminhou o corpo ao Instituto Médico Legal (IML) para as providências legais.

Na madrugada deste domingo (03) foi registrado também um acidente de trânsito com vítima fatal na BR-364, no Ramal da Sede da Vila Santa Luzia. Elissandro Gondim da Cruz, 21, morreu no local do acidente depois de se chocar com um caminhão que estava parado. O garupa Jardesson dos Santos Nascimento, 19, sofreu várias lesões pelo corpo e foi conduzido ao Hospital Regional do Juruá em estado grave, mas não corre risco de vida.

Incêndios em casas localizadas em bairros diferente estão sendo investigados. Em dois deles a polícia já identificou indícios de crime

Incêndios em casas localizadas em bairros diferente estão sendo investigados. Em dois deles a polícia já identificou indícios de crime

A Polícia Civil vai investigar os incêndios ocorridos em duas casas nos bairros da Lagoa, uma no João Alves e em outra que fica nos fundos da Escola Dom Henrique Ruth, atingidas na noite deste domingo. A seqüência de incêndios deu muito trabalho aos homens do Corpo de Bombeiros que conseguiram amenizar os prejuízos. Numa das casas que não tinha ninguém o prejuízo, no entanto, foi total.

O delegado Alexnaldo Batista, responsável pela investigação, enfatiza que em pelos dois dos casos houve uma ação criminosa e a Polícia Civil já está trabalhando para identificar os autores e a motivação dos crimes. “ Pelo menos em dos casos há uma questão criminosa. Em dos locais, inclusive, foi encontrado uma vasilhame da gasolina. No outro ainda faremos a perícia, mas acreditamos que o ex-companheiro da vítima seja o principal suspeito”, informou o delegado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*