Homem é decapitado, tem perna, braço e orelhas decepados e sobrinho é atingido com golpes de terçado, mas consegue fugir
Crime bárbaro no trapiche da Lagoa que é um território comandado pelos criminosos e traficantes, principalmente, no período da noite

Homem é decapitado, tem perna, braço e orelhas decepados e sobrinho é atingido com golpes de terçado, mas consegue fugir

Crime bárbaro no trapiche da Lagoa que é um território comandado pelos criminosos e traficantes, principalmente, no período da noite

Crime bárbaro no trapiche da Lagoa que é um território comandado pelos criminosos e traficantes, principalmente, no período da noite

Tio e sobrinho chegaram de Manaus na madrugada de quinta-feira pelo avião da Gol para visitar familiares

O delegado da Polícia Civil, Alexnaldo Batista, informou sobre mais um crime que ocorreu no bairro da Lagoa, na noite desta quinta-feira (10), quando Wandson Martins, 38, que tinha chegado a Cruzeiro do Sul na madrugada de quinta-feira no avião da Gol Linhas Aéreas para visitar familiares foi morto com requintes de crueldade. O menor que estava com ele, seu sobrinho, também foi agredido e escapou com vários ferimentos.

“Ontem, por volta das 19:00 horas, dois cidadãos que chegaram de Manaus na madrugada adentraram no bairro da Lagoa pelo trapiche e infelizmente encontraram uma turma de elementos suspeitos que perguntaram de onde eles vinham. Eles falaram que eram de Manaus e os suspeitos disseram que eles poderiam entrar, mas, quando deram as costas a turma começou a agredi-los com terçadadas e pauladas”, disse.

Segundo o delegado foi uma coisa muito triste e um crime bárbaro porque a vítima teve sua cabeça, perna direita, braço e orelhas decepados, além de ter sido atingido por cerca de 10 facadas nas costas. “A outra vítima é menor – 16 anos – e sobrinho do que morreu. Ele conseguiu fugir pelas imediações do bairro e entrou numa casa onde o morador lhe deu guarida até os criminosos irem embora do local”, disse.

Trapiche da Lagoa é comandado pelos criminosos e considerado um local perigoso

Trapiche da Lagoa é comandado pelos criminosos e considerado um local perigoso

O delegado orienta para a população evitar andar em lugares ermos, beira de rio ou de difícil acesso para não encontrar meliante ou criminoso que possa atentar contra as pessoas para roubar ou até para tentar tirar a vida. “O sobrinho alega que teriam ido ao local para visitar um amigo, mas tivemos informações de familiares que eram usuários de droga e mediante isso nada está descartado na linha de investigação”, disse.

Delegado Alexnaldo Batista comanda investigação para prender os suspeitos

Delegado Alexnaldo Batista comanda investigação para prender os suspeitos

O delegado ressalta que a Polícia Civil está investigando o caso na busca de localizar e identificar os suspeitos. “Estive no local do crime ainda na noite de ontem e fazendo diligências em outros onde eles poderiam estar escondidos, mas até agora não conseguimos localizá-los. As vítimas foram confundidas como membros da Facção do Norte porque, segundo o menor, na hora eles gritaram, é FDN, é FDN”, disse.

Alguns vídeos e fotos disponibilizados na internet com a exposição do crime praticado pelos criminosos que utilizam a região da Lagoa precisa levar todos a uma reflexão sobre a condição de um ser humano com a capacidade de tamanha brutalidade. Não se justifica a questão da vítima pertencer ou não a facção criminosa rival. No trapiche da Lagoa, local de recente operação das polícias, quem manda são os criminosos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*